Skip to main content

Este pequeno fruto tropical oferece várias vantagens para a nossa saúde. Saiba quais.

Pequeno, oval, de casca rija e com uma polpa gelatinosa amarela, cheia de pequenas sementes pretas. Falamos, claro, do maracujá. Embora este fruto tropical - cujo nome botânico é Passiflora Edulis, por crescer numa planta da família Passiflora - possa ser encontrado nos supermercados de todo o País, é na Madeira que é mais conhecido e típico. Existem inúmeras variedades de maracujá, cada uma com as suas cores e sabores, sendo que a sua casca pode ser, por exemplo, roxa ou amarela. Contudo, se há característica que faz deste um fruto muito apreciado é o seu sabor doce com um toque de acidez. Agora que já sabe um pouco mais sobre o maracujá, está na hora de conhecer aquilo que este pequeno fruto tem para lhe oferecer.

Motivos para incluir o maracujá na sua alimentação
Com baixo valor energético e uma elevada riqueza nutricional, a nossa saúde tem muito a ganhar quando incluímos o maracujá na nossa alimentação. Fique a conhecer sete dos benefícios associados a este pequeno fruto tropical:

  1. É rico em nutrientes aliados de uma boa saúde, como as vitaminas A e C - sabia que uma porção (o equivalente a 2-3 maracujás) fornece cerca de 50% da dose diária recomendada desta vitamina? - ácido fólico, fibra e diversos minerais (cálcio, magnésio, fósforo, potássio). Este fruto contém também um elevado teor de antioxidantes, importantes no bom funcionamento de diversos sistemas do nosso corpo.
  2. . É uma boa fonte de fibra, presente na sua polpa. A fibra contribui para um sistema digestivo regulado, prevenindo, por exemplo, a obstipação. O coração também tem a ganhar com o consumo de maracujá, sendo que a fibra pode, por exemplo, ajudar a reduzir os níveis de colesterol e pode também favorecer níveis equilibrados de pressão arterial.

  3. Tem um baixo índice glicémico, o que significa que não provoca um pico nos níveis de açúcar no sangue. Dito isto, o maracujá é uma boa opção para pessoas com diabetes.

  4. Contribui para umas defesas de ferro. Nós explicamos: uma vez que é rico em vitamina C, o maracujá pode favorecer o bom funcionamento do nosso sistema imunitário.

As melhores formas de consumir maracujá

O maracujá pode ser consumido ao natural, por exemplo, à sobremesa ou até mesmo integrado nas refeições, seja no almoço, jantar ou até pequeno-almoço e lanches. Claro que também o pode incorporar nas suas receitas, por exemplo, em sobremesas, como a famosa mousse de maracujá. Uma outra forma super prática (e saborosa!) de consumir este fruto exótico é através do néctar Compal Clássico de Maracujá (com, pelo menos, 25% de sumo de maracujá)  ou do Compal Vital Laranja Maracujá  (com 10,5% de maracujá), ambos com um aroma tropical e uma leve acidez.

Conheça também os benefícios do limão! 

Fontes:

Dicas  

WebMD  

Medical News Today  

Cookies

Este site utiliza cookies para melhorar a funcionalidade e a sua experiência de utilização do mesmo. Os cookies servem, por exemplo, para identificar o seu dispositivo de acesso, o que é útil para garantir acesso a todas as áreas do site ou para assegurar algumas funcionalidades em particular. Ao navegar neste site está a consentir a utilização de cookies.

Back to top